retratos da constituição brasileira

Por Fernanda Mello e Diogo Andrade

o projeto "retratos da constituição brasileira", surge a partir do questionamento da naturalização dos personagens que ocupam as posições de poder em nosso país.

ao entrarmos em uma galeria de ex-presidentes, de qualquer espaço deliberativo/legislativo em nosso país, notamos que nosso sistema legislativo pouco possibilita uma representatividade real. Pelo contrário, em suas paredes, pendem voluptuosas molduras que enquadram, sem muitas exceções, homens, brancos, heterossexuais.

não se trata de mera coincidência ou de grande mérito daqueles que compõem tais galerias: o Brasil se constrói e se constitui, historicamente, a partir da exclusão e marginalização daqueles que constituem a grande maioria da população brasileira.

disso, o projeto propõe uma outra galeria possível, com retratos que dessem outras cores, outras dores, outras lutas, para quem nos representa, e desse, mesmo que simbolicamente, o poder formal a quem de fato o possui, o povo.